9 de mar de 2012

A Espiral



A linearidade não  vem  naturalmente para mim.
Ela mata a minha imaginação.
Nada acontece.

Nada de sinos tocando.
Nenhum momento de "Aqui e Agora".
Nenhum momento que me diz "Sim".
Sem isto, eu não me sinto viva.

Prefiro o prazer
da jornada através da espiral.

Relaxe.
Aprecie a espiral.
Se você perder algo na primeira volta,
não se preocupe.
Você pode pegá-lo 
na segunda -  na  terceira - ou na nona volta.
Não importa.

Relaxe.
O momento é tudo.
Se o sino tocar,
ele ressoará
por todas as voltas da sua espiral.
Se ele não tocar,
é a espiral errada,
 o momento errado, 
ou simplesmente,
não há um sino.

Marion Woodman e Jill Mellick
In : "Coming Home to Myself"

Nenhum comentário:

Postar um comentário