12 de abr de 2013

Filme - A Vida da Outra Mulher


A Vida da Outra Mulher
França -  2012

Acabei de assistir a este DVD e adorei! Tem tudo a ver com o que estamos discutindo nos grupos!

Juliette Binoche está  maravilhosa como sempre, no papel de uma jovem de 25 anos, que conhece um rapaz por quem se apaixona. Depois da primeira noite de amor, ela acorda no dia seguinte numa casa estranha e o namorado não está lá.

Ela descobre que é o dia de seu aniversário....de 41 anos! E  que tem um filho, é muito bem sucedida e está no meio de um processo de divórcio. Como assim? Pois para ela, eles acabaram de se apaixonar e ter uma noite de amor maravilhosa...

Quinze anos se passaram...e ela descobre que se tornou uma pessoa completamente diferente do que era...Como é que eu me tornei essa outra? - ela se pergunta.

Procura um médico e descobre que está com amnésia, mas o que fazer? Não quer que as pessoas percebam, pois tem medo de que a considerem louca.

Então ela começa aos  poucos a se apropriar da vida dessa outra mulher que ela se tornou, com um olhar novo, como se estivesse vendo tudo pela primeira vez (e na verdade está...).

Esse  novo olhar, faz com que ela tome atitudes diferentes daquelas esperadas pelos que a cercam, o que causa muitas surpresas. 

Há várias cenas engraçadas, à medida que ela vai se dando conta das mudanças pelas quais o mundo passou nesse período.

Segue-se uma linda história sobre o resgate da essência, dos valores e sonhos desta mulher, que havia se perdido de si mesma.

Um filme lindo, que nos faz refletir sobre nossas escolhas e rever nosso percurso na vida.

Recomendadíssimo!

17 comentários:

  1. Também gostei muito...Sou fã da Juliett e do cinema frances.....

    ResponderExcluir
  2. Oi Cristiane
    A descrição do filme é muito interessante!
    Quero muito vê-lo!
    Obrigada pela dica.
    Bjim
    Léia

    ResponderExcluir
  3. Minha amiga, foi uma belíssima indicação, mas...ainda não vi o final...kkkk...ou melhor, acabei adormecendo e perdi, vou ver de novo hoje, e prometo comentar...lindo filme, me fez questionar alguns detalhes da minha própria vida...afinal, não tem vezes que a gente pede à Deus pra esquecer tudo, e começar tudo de novo? rsss...será que vale a pena? vamos ver!

    Grande abraço,

    ResponderExcluir
  4. Adorei a dica, vou procurar pros meus filhos baixarem. Beijos e bom final de semana.

    ResponderExcluir
  5. Olá Cristiane,

    Fiquei entusiasmada curioso com o seu resumo do filme. Vou procurar hoje mesmo. Adoro filme francês e adoro a Juliette Binoche, dois "adoro" juntos não tem como errar.
    beijo

    ResponderExcluir
  6. Que maravilha de sugestão! Obrigada e beijosss!

    ResponderExcluir
  7. Cris, adorei a dica!!! Parece bom mesmo...
    E adorei o livro que acabei de ler... Até já fiz o post...

    Cris, tu fala que eu dou conta de mil coisas, mas sei que não és diferente...
    Na verdade a questão de tempo às vezes acaba sendo mais puxada do que a tarefa em si...
    Te admiro muito minha amiga!!!
    Te vejo como essas mulheres especiais, que iluminam tudo por onde passam...
    Obrigada pelo carinho sempre!!!
    Lê algum romance para escrever aqui, amo teu jeito de escrever!!!
    Bom finde minha flor!!!

    ResponderExcluir
  8. Tem muitas pessoas que não precisam ter amnésia,para mudar tanto...
    Muitas,inúmeras...mudam tanto com o passar do tempo que se tornam irreconhecíveis!!!
    Se tiver tempo e o tempo deixar...farei de tudo para assistir esse filme...despertou minha atenção e curiosidade!
    Beijão...te gosto muito!
    PS.:Maridão sempre diz que não sabe como me "guenta"do jeito que sou...rsrsrsrs...
    Sinal de que não mudei nada...ksksksksksksks....

    ResponderExcluir
  9. Ah cris vou ter que adicionar esse a minha lista. adoro filmes franceses e esse parece muito bom!

    ResponderExcluir
  10. Cris, obrigada pela dica do filme. Já assisti vários filmes segundo a sua indicação - tens ótimo gosto para filmes. Também vou assistir a este, principalmente porque me dei ao luxo de não fazer nada neste final de semana.
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. E o amor continuou...esse tal de amor é essência que nasce na gente e não se esvai, mesmo quando esquecemos de nós mesmos ou do que nos tornamos. Podemos sempre retomar do ponto onde mudamos, mas podemos sempre continuar amando. Bela descrição, Cristiane.

    Bindi e Ghost

    ResponderExcluir
  12. Oi Cris! Que linda história, adorei. Também gosto muito dessa atriz, lembro de um filme que vi com ela e adorei Chocolate, entre outros. Que fantástico retornar ao ponto em que as coisas se perderam e poder consertar. Vou procurar.

    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Olá Cristiane,

    Amei o filme, só assitir agora. Bem interessante vê como as situações ou pessoas que estão em volta podem tentar sufocar o natural que existe em cada um. Acho que as mulheres sofrem mais essa pressão. É lindo vê alguem conseguir recuper sua essência, gostei muito, valeu a dica.
    Beijos e ótima semana

    ResponderExcluir
  14. Qual e o nome da musica que toca no momento que ela leva o ex marido para um jantar, ela ate dançou a música! Sou apaixonada pela aquela música. Quem canta?

    ResponderExcluir
  15. Eu também gostaria de saber o nome da música.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá. eu não sei o nome da música e não estou mais com o DVD, mas se vocês assistirem aos créditos finais, provavelmente os nomes das músicas aparecerão lá.
      Espero que descubram
      Abraço

      Excluir