7 de ago de 2013

Todos Podem Ser Grandes!



Todas as pessoas podem ser grandes, 
porque todas podem servir.
Não é preciso ter 
um diploma universitário para servir.
Não é preciso fazer concordar 
o sujeito e o verbo para servir.
Basta um coração cheio de graça.
Uma alma gerada pelo amor.
Martin Luther King

Esta frase me fez refletir muito...a maioria das pessoas sofre porque está sempre pensando no que pode obter dos outros em termos afetivos e materiais. 

Ouço freqüentemente queixas que giram em torno  "do que o outro deveria ter feito por mim e não fez..."

As pessoas ficam contabilizando o que fizeram e o que receberam do parceiro, dos amigos, dos pais... consideram-se injustiçadas se a balança não pender sempre para o seu lado.

Conforme conversamos nos grupos, o objetivo do processo de auto-conhecimento é podermos  nos tornar pais e mães de nós mesmas. E isso só acontecerá se nos dispusermos a amadurecer, a sair da posição infantil, na qual achamos que o mundo nos deve...

Somente quando mudarmos nossa atitude e passarmos a pensar de que forma podemos nos doar, no que podemos fazer pelo outro/outros é que começaremos a crescer.

E o mais interessante, é que quando mudamos a perspectiva, inesperadamente recebemos mais do que havíamos imaginado!

Tudo bem, você vai dizer que mudar não é fácil...mas tudo o que vale a pena merece um pouco de esforço. 
Afinal, a única coisa que cai do céu é água...



11 comentários:

  1. Cristiane,
    Linda postagem!
    Adoro fazer parte do "MULHERES EM CÍRCULO"!
    Passo por aqui e saio carregada de muitos
    ensinamentos.
    Grata pelo carinho
    beijo
    Cristina Sá

    ResponderExcluir
  2. Cris,
    Concordo com você dói sim amadurecer, mas é libertador, sabe que VOCÊ pode mudar a sua vida, sua situação!
    Também acho que devemos sair da nossa zona de conforto e BUSCAR autoconhecimento, paz, luz, vida!
    Um beijo querida!

    ResponderExcluir
  3. Ei Cristiane, quanto tempo!!!
    Postagem fantástica!!! Tudo melhora quando deixamos de cobrar dos outros e agradecer o que temos.
    Grande abraço
    Lella

    ResponderExcluir
  4. Que lindo post, doutora! Me fez refletir sobre o tanto que aprendi com um montão de gente que falava o português errado, mas que entendia da vida melhor que muita gente com Phd. Muito linda a frase, e seu comentário abaixo foi simplesmente perfeito.

    Amei!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Oi Cristiane,
    Bela reflexão, é muito cômoda o lugar de vítima e muito sutilmente
    ocupado, as vezes pessoas criticam outras e não percebem que elas mesmas
    ocupam este lugar, somente uma jornada de auto conhecimento como você mesmo
    citou para fazer revelações caras e por isso exigem esforço!
    Parabéns!
    bjs

    ResponderExcluir
  6. Querida Cristiane
    Que frase linda e profunda!
    Lembrei-me da parábola de Jesus, da viúva pobre!
    E' muito mais gratificante dar do que receber.
    Te desejo um ótimo fim de semana.
    Bjim
    Léia

    ResponderExcluir
  7. Cris, estou nesse processo há um tempo. Não é fácil mas... não saio dele por nada neste mundo! :o)))
    Namastê!

    ResponderExcluir
  8. Olá Cristiane,

    Lindas palavras. Perceber que não somos o centro só faz crescer e ajuda muito a ser feliz.
    Beijos e bom final de semana.

    ResponderExcluir
  9. This is such a well-written, inspirational post, Cristiane! Thanks for the uplifting reminder that we can make a difference to somebody else every single day, even in the smallest way.

    ResponderExcluir
  10. Nossa Cris, muito bom seu texto...
    Sabe que lembrei de quando fazia terapia???
    Já te contei que fiz anos de terapia??? Minha terapeuta era Lacaniana...
    Acho que às vezes, mesmo querendo mudar, fico esperando dos outros o que eu acho que eles deveriam fazer por mim ou o que deveriam falar pra mim... Isso gera mais decepções, afinal, as pessoas são diferentes...
    Vou pensar mais nisso minha terapeuta, hehe...
    Beijãoooo flor

    ResponderExcluir
  11. No mais tudo bem comigo e Maria...
    Ontem ainda me estressei um pouco por causa dessa coisa da mudança, tenho medo de que não dê tempo... Preciso relaxar, eu sei... Mas quando as coisas dependem dos outros dá até uma coisa, credo, hehe... Mas vou tentar ser mais paciente e desencanar... E como andam as coisas aí??? Saudade minha amiga!!!

    ResponderExcluir