21 de abr de 2014

Dia Internacional da Mãe Terra - 22 de Abril


"A Terra é nossa casa e a casa de todos os seres vivos. 
A Terra está viva. 
Somos partes de um universo em evolução. 
Somos membros de uma comunidade de vida interdependente
 com uma magnífica diversidade de formas e culturas. 
Nos sentimos humildes ante a beleza da Terra
 e compartilhamos uma reverência pela vida
 e as fontes do nosso ser…"



Um movimento ecológico estudantil iniciado nos anos 60, numa cidade do interior dos Estados Unidos, escolheu um dia para reverenciar a Mãe Terra e estimular as pessoas  a refletirem sobre o impacto que temos sobre a natureza e o planeta.

Esse movimento cresceu, se espalhou pelo país, e em 1970 o senado americano  e posteriormente a ONU a tornaram uma data oficial.

O caminho da Feminilidade Consciente implica em  estar conectada com a Terra, valorizar a natureza e trabalhar para protegê-la. 


Você se sente conectada com a Terra?
De que maneira você se conecta com ela?


Eu me conecto com ela ao preparar todas as refeições, agradecendo e abençoando os alimentos que recebo. 
Também ao andar descalça ou deitar na grama, ou mesmo sentada debaixo de uma árvore, sinto a vibração da Terra. Nestes momentos gosto de conversar com ela ou apenas ficar em silêncio e senti-la.


O que estamos fazendo para protegê-la?
Há muitas atitudes sustentáveis que podemos adotar:
reduzir o consumo
usar menos o carro 
evitar todo tipo de desperdício
escolher produtos de empresas ecologicamente corretas
boicotar produtos com crueldade animal embutida
dar preferências a alimentos sem agrotóxicos 
reciclar 
plantar árvores 
cuidar dos mananciais de águas
incentivar outras pessoas a fazerem o mesmo

Quais as atitudes sustentáveis que você e sua família adotam? 
Você faz algo além do que está nesta lista? Conte para nós!



12 comentários:

  1. Cris, que vergonha, eu não faço nada para enaltecer a terra... aff, apenas não gosto que corte árvores, nem desperdício de água.. Não adoto nada sustentável aqui em casa e gostaria muito de mudar isso. Seu post foi um bom alerta para essas coisas tão importantes , que é mundo em que nós vivemos e que ficará para a próxima geração. Parabéns pelo post.
    Mil beijos
    Sheyla.

    ResponderExcluir
  2. Cris,
    datas como essa me despertam a saudade dos tempo da ativa.Por todos os colégios onde lecionei promovi a comemoração/preservação no Dia da Terra.Fazíamos um evento com todas as turmas em grande comemoração.Sinto gratidão pela nossa casa-Terra e da lista que vc apontou só não cumpro o uso regular do carro, pois moro afastada de pontos comerciais.
    Vc conhece o livro de literatura "infantil": Azul e Lindo,Planeta Terra, Nossa Casa, de Ruth Rocha?Era um dos usados na temática da data.
    Uma linda semana pra ti.
    Bjos,
    Calu

    ResponderExcluir
  3. Cris, só de pensar na Terra como mãe, cuja fonte de vida e amor seus filhos etão destruindo me emociona profundamente! Para honrar meu profundo amor e respeito ao planeta que me abriga e acolhe e, em respeito e consideração as futuras gerações, aprendi que devo e posso melhorar a cada dia minha contribuição para um mundo melhor. E para isso não preciso de grandes ações, basta que comece no meu dias a dia e, com pequenos gestos a fazer a diferença. É simples, só requer conscientização e boa vontade para encontrarmos formas de viver em equilíbrio com a Terra e seus elementos sagrados, tornando-nos profundamente conscientes que esse é um lugar único e especial. E que consigamos ouvir em comunhão o seu chamado, pois só assim as futuras gerações poderão ver os rios fluírem, as colheitas nascerem em abundância, os vales, montanhas, florestas e campos verdejarem e a natureza seguir em paz com seu curso.
    Linda sua mensagem! Eu acabei de fazer uma postagem para publicar amanhã, também em homenagem ao Dia da Terra.
    Beijo querida e uma linda semana,
    Denise - dojeitode.blogspot.com
    Denise - dojeitode.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Eu tento sempre cada dia um pouquinho... Que alerta esse seu post, vou ficar mais atenta.
    Cristiane assisti o filme A Garçonete ontem, amei, simplesmente delicioso em todos os sentidos.Beijo grande e uma bela semana para vc!

    ResponderExcluir
  5. Cris, que lindo post!
    Sempre me senti aquela "menina terra" dos versos de Caetano:
    "Eu estou apaixonado
    Por uma menina terra
    Signo de elemento terra
    Do mar se diz terra à vista
    Terra para o pé firmeza
    Terra para a mão carícia
    Outros astros lhe são guia...
    Terra! Terra!
    Por mais distante
    O errante navegante
    Quem jamais te esqueceria?"
    Taurina, com muito "8" no meu Mapa Numerológico, minha ligação com a Terra é bem grande.
    Gosto de pisar com os pés descalços e sentir que vou no seu âmago, fazendo polaridade num só circuito energético. Agradeço muito por cada alimento e procuro reciclar tudo o que está ao meu alcance.
    Gratidão pelas coisas lindas que posta aqui!
    Bjs e ótima semana!

    ResponderExcluir
  6. Boa noite Cristiane.. vi teu blog no da Elisa..
    a terra nos deu tudo, somos partes dela e de tudo que nos envolve.. no curso que fiz da Magnifield healing, tem uma técnica onde mandamos energia a ela .. se todos fizéssemos um pouco ela se transmutava rapidinho.. mas o que se vê é as pessoas mais turbulentas e brigando entre si.. te desejo uma linda noite
    lapidandoversos.blogspot.com.br
    até sempre

    ResponderExcluir
  7. Amei, amei sua homenagem e amor à Terra.

    De pequenos gestos e atitudes de gratidão e respeito como os seus, Cris, é que a nossa Terra está precisando.

    Acredito que mais do que nunca, precisamos lembrar TODOS os dias, as crianças, as famílias, as comunidades, da importância da preservação e respeito!!

    Comecemos pelas crianças...conscientizar para colher bons frutos no futuro...e isso não é fácil!!!

    Ah, também penso que está na hora de pessoas juntamente com governantes, começarem a pensar seriamente em planejamento familiar.

    Infelizmente, quanto mais gente, menos chances da nossa Gaia se recuperar da ganância e prepotência humana!!

    Querida, tenha uma ótima semana,

    beijinhos,

    Lígia e =^.^=

    ResponderExcluir
  8. Oi Cristiane!
    Reverencio a Mãe Terra sempre que meus olhos se abrem a cada amanhecer!
    Sinto-me tal qual uma planta, que respira, bebe e se alimenta!
    Sou um pouco de tudo que pulsa no universo!
    Sou grata! muito grata a Mãe Terra!
    Sinto a dor dos desmatamentos, da poluição, da destruição sem dó nem piedade!
    Ah! Sinto tanto!

    Tenha uma semana muito feliz! Amei o post!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Viva, vida, gratidão, cuidados, amor a nossa mãe, casa \o/

    ResponderExcluir
  10. Minha amiga, eu ainda estou longe de ser um exemplo,
    mas na minha medida, exercito meus cuidados, pois quero deixar aqui um planeta agradável para meus netos e bisnetos,
    Agora mesmo estava aqui fazendo uma faxina no escritório e tentando fazer com que os meus auxiliares entendam que quase tudo pode ser reciclado, inclusive as pilhas de papéis que eles teimavam em jogar no lixo.
    Acho que venci,
    estou fazendo a minha parte, pouco a pouco, mas estou!

    Beijo pra você,
    tudo de bom!

    ResponderExcluir
  11. Minha conexão com a Terra também tem muito a ver com os alimentos - nos alimentamos do que brota dela e, ao mesmo tempo, também somos filhos dela. Mais ainda: a atmosfera que ela segura à sua volta é que nos garante o ar que respiramos, a água que bebemos, o céu azul que torna nosso dia mais bonito. Todo dia tinha que ter uma hora - pelo menos - dedicada à terra, uma hora na qual iríamos pensar nas bençãos que ela nos presenteia, agradecer a todas elas e nos policiar para administrar de forma melhor todos os seus recursos.

    É uma pena que a maioria de nós não se dê conta de que ela está mesmo viva...

    Beijos, Doutora querida!

    ResponderExcluir
  12. Olá,Cris!
    Sempre me emociono quando penso na grandiosidade da vida no nosso maravilhoso planeta. E como bióloga, tenho consciência de que apesar do muito que se tem falado sobre o assunto, ainda há uma longa estrada para se percorrer, até que muitos hábitos errados dos seres humanos,em relação à nossa nave mãe Terra,possam ser mudados. E com certeza, se cada um de nós fizermos a nossa pequena parte, haverá realmente uma multidão humana que fará a verdadeira diferença e levará bons exemplos e ensinamentos para as futuras gerações. E tudo pode começar,por exemplo, com o simples hábito de observarmos com mais atenção a natureza ao nosso redor, prestando atenção no canto de um passarinho, na beleza de uma singela flor ou no vento que balança suavemente as árvores. Porque acho que é preciso primeiro aprender a amar e à respeitar a natureza,para que realmente possamos nos importar com ela. Afinal, como cuidar do nosso meio ambiente se não separarmos um tempo para contemplar e meditar sobre a nossa condição humana e entendermos que nós mesmos fazemos parte dessa extraordinária rede da vida? Daí sim, acredito que as pessoas comecem mesmo a se conscientizar da importância da preservação de nossos recursos naturais e do uso mais racional dos mesmos...Porque quem ama de verdade,cuida, preserva e luta por aquilo que tanto acredita.
    Parabéns pelo belo e inspirador post!
    Tudo de muito bom e o meu abraço carinhoso e solidário pra ti e pra todos os incansáveis amigos da Terra!
    Teresa
    (do blog "Se essa lua fosse minha")

    ResponderExcluir