4 de ago de 2016

A Pedagogia da Ternura

A Pedagogia da Ternura
Luiz Schettini Filho
Ed. Vozes

Este é um livro precioso, pequenino em tamanho e enorme em conteúdo.

Apesar de usar o termo "Pedagogia", não se refere somente à questão da educação, mas a todos os tipos de contatos humanos.

Já reparou como falta ternura nos relacionamentos? Onde deixamos nossa ternura? 

Nesta compilação de palestras dadas pelo autor (que é psicólogo, filósofo e teólogo), vamos conhecendo os conceitos de ternura, aprendemos sobre o analfabetismo afetivo, sobre como dizer a verdade no compasso da ternura, evitar o uso de respostas prontas...

E tem um capítulo muito interessante sobre o efeito destrutivo do "arquivo morto" num relacionamento. Sabe quando uma pessoa abre o baú do passado e começa a desenterrar coisas que aconteceram há muito tempo e as lança sobre o outro? 

Pois é...

Ele nos faz refletir bastante e mostra uma nova paisagem, onde floresce o cuidado amoroso com a nossa vida e a dos que nos cercam. 

Recomendo!



6 comentários:

  1. O amor, a gentileza e carinho , a ternura com tudo que nos rodeia só pode fazer bem! Lindo aqui! bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. Oi Cris,
    Gostei da dica e nunca tinha pensado em termos de arquivo morto. Não faço isto, para mim o passado passou e pronto, mas conheço muita gente que faz.
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Bom dia!
    E como estamos precisando de ternura em nossas Vidas...
    Parece que as pessoas esqueceram como é bom gentileza, carinho, atenção...
    Anotando para ler!
    Lindo FDS!
    Um super bjo!

    Alê - Bordados e Crochê
    Facebook
    Twitter
    Instagram

    ResponderExcluir
  4. Olá Cristiane,

    Que boa dica, aprender sobre a ternura é sempre bom e ajuda nos relacionamentos de qualquer tipo.

    Beijos e bienvenue!

    ResponderExcluir
  5. Agradeço demais a indicação , Cristiane . Beijos

    ResponderExcluir
  6. Sim, sim, Cris, eu já tinha reparado. Falta ternura, gentileza e apenas ouvir. As pessoas não param de falar, incrível isso. As vezes não fazemos nada, nem falamos, mas só de ficar ao lado de algumas pessoas, ficamos cansados.
    Gostei e agradeço a sugestão.

    ResponderExcluir