5 de fev de 2015

A Qualidade do Ser - Meu Desafio Pessoal Para 2015


"Quando estiver concentrada na qualidade do seu Ser, 
estará preparada para a atividade."
Suzuki Roshi
In: Mente Zen, Mente de Principiante


"Cada momento é um lugar onde você nunca esteve."
Autor desconhecido


A cada ano um tema me chama para ser foco de meu trabalho pessoal. Em 2014, o desafio foi tirar o poder do medo e entregá-lo ao amor (você pode ver o post aqui). 

E que desafio... os dois últimos anos foram bem difíceis. Sei que tenho que me enraizar no amor para poder continuar, e assim tenho feito.

O aprendizado é grande, ainda não consigo avaliar a dimensão das mudanças que estou percebendo. Vislumbro outros  horizontes, novas prioridades e propósitos.

Neste ano (em que completarei 50 anos!) o foco é a qualidade do Ser em cada momento. Não importa o que esteja fazendo, a todo momento respiro profundamente, olho para dentro e pergunto: Como estou agora? Com que qualidade estou presente?

Observo o corpo, a respiração e o estado de alma, tento registrar as sensações que recebo apenas prestando atenção. Se houver uma sensação ruim, tento aprofundar a respiração e relaxar as tensões.

A experiência tem sido maravilhosa: primeiro veio uma sensação de paz e satisfação (até lavando louça, que normalmente me desagrada...). Depois, com a prática, comecei a experimentar um fenômeno muito interessante: a impressão de que o tempo se estende, como se passasse mais devagar. 

O terceiro insight foi a experiência muito concreta de que a vida é isso: cada momento vivido. A gente cansa de ouvir que a vida é a reunião desses momentos, mas a ficha cai mesmo quando sentimos essa realidade.

Quer esteja no trabalho ou cuidando das plantas, preparando uma refeição, escrevendo este post...tudo é vida. A minha vida. E a qualidade que eu der a cada um destes momentos fará toda a diferença no grau de realização e satisfação que terei.

Quando surge algum problema, há menos irritação e mais clareza. 

Passei a sentir uma presença gostosa em tudo e o resultado das atividades tem outra qualidade também...é muito bom!

Então, se você quiser experimentar, fica aqui minha dica para seu aprimoramento neste ano: concentre-se na qualidade do seu Ser. 

E se quiser compartilhar sua experiência, ficarei muito feliz em saber!







5 comentários:

  1. Lendo refletindo e aprendendo, aqui sigo deslumbrada com as belas imagens descortinadas pelas muitas janelas do autoconhecimento.O tema é enriquecedor, aliás como de costume,potencializando os benefícios do bem-viver.Começo agora mesmo a praticá-lo; valorizar a qualidade do Ser.
    Grata por mais este presente!
    Luz, Paz e Bem.
    Bjos,
    Calu

    ResponderExcluir
  2. Oi Cristiane,
    Que bom que você está de volta com suas bonitas reflexões.
    Eu venho experimentando essa sensação de "estar inteira em tudo que fiaço" o que tem me ajudado muito a viver melhor.Por sinal, li um artigo muito bonito sobre esse assunto , mas não lembro aonde. Se encontrar lhe mando.
    Seu desafio é bem interessante e vale a pena investir nele.
    Bj,
    Lylia

    ResponderExcluir
  3. Cristiane, ainda bem que voltou, espero que as férias tenham sido ótimas, beijo amiga

    ResponderExcluir
  4. Olá Cristiane,

    Que bela reflexão, que bom que sempre compartilha. Desde que cheguei em Portugal tenho tentado me concentrar no que gosto, tanto no que faço, como no que quero a meu redor, ou nas pessoas com quem convivo, Tenho mais calma da minha nova rotina, mais tempo para mim e por isso ando me sentido tranquila, leve. Agora que li teu texto, penso que talvez seja isso que esteja mudando na minha vida, vou prestar mais atenção e será um bom ponto a seguir, e quando conseguir realizar plenanente será uma felicidade.
    Beijinhos e bom final de semana.

    ResponderExcluir
  5. Cristiane , no começo de 2014 não a conhecia e , portanto , não sabia que o foco de seu trabalho estaria concentrado em tirar o poder do medo e entregá-lo ao amor .
    Penso , todo inicio de ano que este será meu foco . Mas , como diz Hobbes : " Quando nasci minha mãe deu à luz gêmeos , eu e meu irmão o medo ."
    Gostaria , se possível , que me apontasse leituras e práticas para que eu possa afastar , com êxito , este sentimento que i vive me rondando .
    Ele , não me impede da alegria de viver , mas seria bem melhor se ficasse bem longe , rs,rs,rs,
    Beijos e ótima semana

    ResponderExcluir