31 de mai. de 2020

Filme - Minha História - Michelle Obama




Eu já admirava a Michelle Obama, mas depois deste filme, ainda mais! 

Acompanhar a força dessa mulher ao longo de sua trajetória é um banho de ânimo e coragem. Principalmente quando vemos todos os "nãos" que ela recebeu desde a infância e mesmo assim seguiu acreditando e lutando.

E ao ver o trabalho maravilhoso que ela continua realizando para orientar e incentivar jovens e principalmente para empoderar as mulheres negras, nossa alegria aumenta.

Você sabia que ela foi chefe do Obama quando se conheceram no primeiro emprego, logo após a Faculdade de Direito? 

E depois, toda a história do casal, o momento quando ele decidiu entrar para a política, os desafios...que garra!

Várias falas dela ao longo do documentário me marcaram, até anotei para lembrar depois. 

Quando foi prestar vestibular, mesmo com as melhores notas, a orientadora da escola disse: "Essa universidade não é para o seu bico. Você deveria procurar algo mais adequado para a sua condição." 

Dá pra acreditar? Ainda bem que ela não se intimidou...

Uma garota perguntou como ela fez para lidar com o racismo na juventude, como fez para sair da invisibilidade e ela respondeu: "Eu nunca me senti invisível, nunca deixei que fizessem com que eu me sentisse invisível. Eu era amada pelos meus pais e isso me dava forças. Não permiti que os outros dissessem qual era o meu valor."

Uau!

Se você ainda não assistiu no Netflix, assista. Vai valer cada minuto, super inspirador! 

Uma história que alimenta nossa potência de Ser. 

Recomendo!



24 de mai. de 2020

Gansos Selvagens


"Você não precisa ser boa.
Não precisa andar de joelhos por mil milhas no deserto, mortificando-se.
Você precisa apenas deixar o animal suave do seu corpo amar o que ele ama.
Fale-me do seu desespero e eu te falarei do meu.
Enquanto isso, o mundo continua.
Enquanto isso, o sol e as gotas claras da chuva se movem através das paisagens,
sobre as pradarias e as árvores profundas,
sobre  montanhas e rios.
Enquanto isso, os gansos selvagens lá no alto do céu azul,
voltam para casa de novo.
Não importa quem você seja, quão solitária,
o mundo se oferece para a sua imaginação,
duro e emocionante.
E te chama, assim como aos gansos selvagens,
repetidamente anunciando o seu lugar
na família das coisas"

Mary Oliver - poeta americana
Esta é uma tradução livre feita por mim, pois a sua obra não foi publicada no Brasil

Para inspirar a todas especialmente nestes tempos de transição. 

Este poema nos lembra que existe dentro de nós um lar, um lugar de repouso, acolhimento e proteção. Onde podemos descobrir quem somos, o que desejamos e qual caminho seguir. E que este caminho começa quando honramos o corpo com suavidade.

A vida nos chama muitas vezes para voltarmos para casa, de formas mais duras ou suaves, só depende de nós ouvir o chamado.

Este poema me toca profundamente. E a você, o que ele diz?




17 de mai. de 2020

Insonia?



Tenho ouvido muitas pessoas se queixarem de insônia neste momento delicado. Eu mesma, que era a própria Bela Adormecida, de repente comecei a ver a noite passando, o dia raiando e nada de dormir!

Estou cuidando da higiene do sono, usando chás de ervas calmantes e fazendo algumas práticas que  têm ajudado bastante. 

E uma gotinha de óleo de lavanda no peito dá um bem estar...relaxa...

     Dicas de higiene do sono:
Tente seguir o ritmo da natureza, deitando-se cedo e levantando-se  ao amanhecer, mesmo nos finais de semana, para que o corpo encontre seu ritmo.

Tome sol todos os dias, pelo menos 20 minutos sem protetor solar (se for ficar mais tempo, aplique o protetor) mesmo que seja dentro de casa, próximo a uma janela ou varanda.

Ao anoitecer, evite luzes fortes, ilumine sua casa com abajur ou luzes suaves. O ciclo de sono e vigília é regulado por um hormônio chamado melatonina que está relacionado ao ciclo claro/escuro.

Tome um banho morno e mantenha a temperatura do quarto agradável.

Massagem nos pés ou escalda pés são excelentes para relaxar. Para ver o post com todas as dicas para um maravilhoso escalda-pés, clique aqui.

Não leve celular nem computador para o quarto, muito menos assistir TV... Para não cair na tentação, compre um pequeno despertador, assim não tem a desculpa de que usa o celular para acordar.

Antes de dormir evite programas de TV e leituras muito estimulantes.

Tenha uma alimentação balanceada, com frutas, legumes, verduras e grãos e não coma muito antes de dormir.

Evite bebidas alcoólicas ou outros estimulantes como cafeína presente no café, no chá mate, preto e verde, e também nas bebidas à base de cola. 

Tenha um bloco de papel e uma caneta na mesa de cabeceira para anotar alguma pendência ou preocupação que surja e deixe para resolver no dia seguinte.

Evite o sedentarismo, faça exercícios moderados regularmente (como dança, yoga, alongamento, tai chi, caminhadas), mas não perto da hora de dormir, pois o estímulo pode tirar o sono.

Bons Sonhos!


9 de mai. de 2020

Ela Estará Sempre Com Você. Feliz Dia das Mães!


Sua mãe está sempre com você.

Ela é o sussurro das folhas ao vento,
o aroma de certos alimentos,
as flores que você colhe, 
a fragrância da vida em si mesma.

Ela é a mão fresca na sua testa quando você não está bem.
Ela é o seu hálito no ar frio de um dia de inverno.
O som da chuva que te embala no sono.
As cores do arco-íris.

Ela é uma manhã de Primavera.

Sua mãe vive no seu sorriso.
Ela é o lugar de onde você veio,
sua primeira casa.
Ela é o mapa que você segue a cada passo.

Ela é o seu primeiro amor,
a sua primeira amiga 
e até a primeira inimiga também.

Mas nada na Terra pode separá-las:
nem o tempo, nem o espaço,
nem a morte.

Sua mãe está sempre com você.


Feliz Dia Das Mães!




22 de abr. de 2020

Para Lidar com Tempos Difíceis



Na semana passada pude contribuir como consultora para um artigo no blog da Revista Vida Simples sobre a Ansiedade, que tem aumentado bastante neste momento delicado.

Além de falar um pouco sobre as causas, pude oferecer dicas práticas para lidar com ela.  Fiz um post para o Instagram também, mas como nem todas as pessoas têm conta lá, segue abaixo um pequeno resumo. Por que estamos tão ansiosos?


Sim, estamos com medo. Seja o medo de adoecer e ter um quadro grave, o medo de perder entes queridos, o medo da instabilidade financeira, o medo da morte e o medo de como será após a pandemia. Então, reconheça o seu medo e acolha-o, este é o primeiro passo.



Dificuldade de concentração, irritabilidade, menor produtividade, insônia, redução da libido, alterações de apetite, palpitações, dores de cabeça e sintomas gastrointestinais e problemas de pele podem alertar para a presença de ansiedade.


Mesmo com a quarentena já quase chegando a um mês, não há como negar que nossa rotina diária está bem diferente. Maior carga de trabalhos domésticos e com as crianças, além do trabalho em home office somados ao pano de fundo do medo,  geram um desgaste incrível. Reconheça e evite cobranças desnecessárias.



Cuide-se amorosamente. Atenção à boa alimentação, tome pelo menos 20 minutos de sol todos os dias (mesmo que seja através de uma janela), faça exercícios leves e também uma pausa para meditar ou focar na respiração por alguns minutos.

Tente manter seu horário de dormir e acordar e sempre que possível tire um cochilo no meio do dia. 

Cuidado com excesso de tempo nas redes sociais, filtre a qualidade de informação buscando fontes confiáveis. 

Evite noticiários, filmes ou leituras fortes antes de dormir. Ao deitar-se pense em 3 coisas pelas quais pode agradecer neste dia. A gratidão é um sentimento que traz muitos benefícios para nossa saúde. 

E principalmente, não se cobre desempenho. Não fique em maratona de séries, de lives e cursos. 

Inclua na sua rotina algum tipo de atividade que traga prazer, vale dançar, cantar, tocar um instrumento, ler, desenhar ou pintar, fazer artesanato....pelo menos um pouquinho todos os dias.

Foque em um dia de cada vez. 

Para ler a matéria completa escrita pela repórter Nara Siqueira, clique aqui.

14 de abr. de 2020

Apenas Uma . . .


Uma árvore: pode dar início à uma floresta,
Um sorriso: pode iniciar uma amizade,
Uma ajuda: pode aliviar a alma,
Uma palavra: pode mudar sua trajetória,
Uma vela: pode iluminar a escuridão,
Uma esperança: pode elevar o espírito,
Um toque: pode transmitir carinho,
Uma gargalhada: pode afastar a melancolia,
Uma vida: pode fazer toda a diferença!

Seja esta Uma hoje.




30 de mar. de 2020

Abrir-se Para Mudanças - Minha Live Para a Revista Vida Simples




Nesta conversa descontraída com a Débora Zanelato, editora da revista Vida Simples, abordamos as mudanças da vida, tanto as que desejamos fazer como as mudanças que não queremos. 

Como podemos vivenciá-las de forma criativa e com menos ansiedade?

Este é o tema da matéria de capa da revista deste mês, que esta linda demais! 

Você pode encontrar aqui, visto que as bancas de jornais estão fechadas por causa da quarentena. 

Foi a minha primeira Live e adorei! A partir de agora vou fazer mais...😉😁

Espero que vocês curtam o vídeo, tem muitas dicas úteis, compartilho também um pouco de minha história e experiências com as mudanças que a vida nos traz.

Ótima semana para todas, cuidem-se bem!



18 de mar. de 2020

O Que Podemos Aprender com a Pandemia?


Acredito que o cosmos tem a sua maneira de reequilibrar as coisas e as suas leis quando são abaladas, e partilho  algumas reflexões.

Quando as alterações climáticas atingiram níveis preocupantes, causando catástrofes ambientais, a humanidade é obrigada a parar.  A economia colapsa, mas a poluição diminui consideravelmente. O ar melhora; você usa a máscara mas respira...

Em um momento histórico em que certas ideologias e políticas discriminatórias estão se reativando em todo o mundo, vem um vírus que nos faz experimentar que em um momento podemos nos tornar os discriminados, os segregados, aqueles bloqueados na fronteira, aqueles que trazem doenças. Mesmo que não tenhamos culpa. 

Numa sociedade baseada na produtividade e no consumo, em que todos corremos 14 horas por dia atrás de não se sabe bem o que, sem descanso, chega a Pausa.

Em casa, dias e dias. A lidar com um tempo do qual perdemos a noção do valor se não for mensurável em dinheiro.

Ainda sabemos o que fazer com ele?

Numa fase em que a educação dos filhos é delegada a pessoas e instituições outras, o vírus fecha as escolas e obriga-nos a encontrar soluções alternativas, a juntar mães e pais com os seus bebês. 

Em uma dimensão em que as relações, a comunicação, a socialidade são jogadas principalmente no "não-espaço" do virtual, dando-nos a ilusão da proximidade; o vírus nos tira a verdadeira proximidade, a real: ninguém pode se tocar. 

Sem beijos, sem abraços, à distância, no frio do não-contato.

Quanto tomamos por garantido estes gestos e o seu significado?

Quando pensar na sua horta se tornou a regra, o vírus nos envia uma mensagem clara: a única maneira de sair é a reciprocidade, o senso de pertencimento, de comunidade. Sentirmos que fazemos parte de algo maior e que cada um é responsável por todos. 

A responsabilidade partilhada, sentir que das suas ações dependem o destino de todos os que te rodeiam. E que você depende deles.

Então, se pararmos de caçar bruxas, de nos perguntar de quem é a culpa ou por que tudo isso aconteceu - mas perguntarmos o que podemos aprender com isso? -  todos teremos muito a ganhar.

Porque com o cosmos e às suas leis, obviamente estamos em dívida. O vírus está nos ensinando. Vamos aprender enquanto é tempo.

Francesca Morelli 
Psicóloga italiana
em 10/03/2020 no Facebook


7 de mar. de 2020

Dicas Valiosas para os Homens Apoiarem as Mulheres - Dia Internacional da Mulher



Todos os anos nesta data, faço um post incentivando as mulheres a continuarem seu desabrochar e crescimento. 

Mas neste ano resolvi compartilhar a iniciativa do Grupo Papo de Homem e o excelente post de Luciano Ribeiro, com dicas para os Homens se tornarem apoiadores da luta das mulheres. 

Algumas são bem práticas, outras requerem um pouco de reflexão. Mas todas são acessíveis e possíveis aos homens. Basta querer. E cada um pode fazer uma enorme diferença para tornar o mundo melhor para todos.










Para ler o post completo acesse este link




Algum dia haverá meninas e mulheres 
cujos nomes não mais significarão
meramente um oposto do masculino,
mas algo em si mesmo,
algo que faça pensar não em um complemento e limite,
mas apenas em vida e existência:
o ser humano feminino.

Rainer Maria Rilke
poeta alemão
(1875-1926)



1 de mar. de 2020

O Portal da Nossa Escola: Círculo do Saber, já está no ar!



Queridas amigas, 

É com muita alegria que apresento a vocês o site da nossa Escola: O Círculo do Saber !
Saber viver, saber amar, saber cuidar.

Como seria ter um espaço dedicado ao cuidado amoroso com a vida?
 
Que valorizasse os saberes ancestrais, a medicina natural e o olhar sistêmico?
 
Um espaço protegido para acolhimento, trocas de experiências e construção de relacionamentos saudáveis.
 
Que nos abrisse para a prosperidade em harmonia com a natureza.

Um lugar que nos preparasse para sustentar o bem estar,
o  prazer e a alegria de viver.

Onde pudéssemos lançar uma luz ​sobre os mistérios da vida e do Cosmos...
                                
                                             Esse lugar existe!

Escola Círculo do Saber surgiu como uma evolução natural do trabalho que realizo há 25 anos com grupos de auto-conhecimento e aprimoramento pessoal.


Todos os nossos cursos agora são realizados através da escola e lá oferecemos também as Constelações Sistêmicas, que podem ser individuais ou em grupo. 

Estamos num novo espaço super gostoso e adaptado para cursos e vivências, na Vila Madalena, bem perto do  metrô.

Foram meses de trabalho intenso com muito carinho para preparar o espaço para os encontros e criar um site lindo para vocês! Clique aqui para conhecer. 

Será um prazer receber sua visita!


P.S.: O blog continuará ativo e em parceria com a escola.



23 de fev. de 2020

Abençoada Seja a Leveza - Ana Jácomo



Abençoadas sejam as surpresas risonhas do caminho. 

As belezas que se mostram sem fazer suspense.
As afeições compartilhadas sem esforço.

As vezes em que a vida nos tira pra dançar 
sem nos dar tempo de recusar o convite.

As maravilhas todas da natureza, sempre surpreendentes 
à espera da nossa entrega apreciativa.

A compreensão que floresce, clara e mansa, 
quando os olhos que vêem são da bondade. 

Abençoados sejam os presentes fáceis de serem abertos. 

Os encantos que desnudam o erotismo da alma. 

Os momentos felizes que passam longe 
das catracas da expectativa. 

Os improvisos bons que desmancham o penteado arrumadinho dos roteiros da gente. 

Os diálogos que acontecem no idioma pátrio do coração.
Abençoada seja a leveza, meu Deus".


Ana Jácomo



Ótimo Feriado para Todas!




27 de jan. de 2020

Prática Integrativa: Sinta - Beije - Deixe Fluir!


Experimente esta prática que acalma, integra corpo e mente e amplia nossa consciência. Muito fácil de fazer:

1 - Sente-se confortavelmente mantendo boa postura. Se preferir, pode ser feita deitada (ótima para insônia também).

2 - Sinta: vá passeando mentalmente por todo seu corpo, dos pés à cabeça, e perceba as sensações que emergem. Perceba seus estados mentais e emocionais.

3 - Ao perceber uma determinada sensação, apenas registre  e tente localizar em que parte do corpo ela se localiza (pode ser dor, desconforto, ansiedade, angústia ou mesmo alegria,  amor, gratidão...)

4 - Beije: Inspire lentamente e leve o ar até o local onde a sensação é percebida. A intenção é  que o ar toque-a com carinho, como se fosse um  beijo. Expire suavemente. Repita algumas vezes.

5 - Deixe Fluir: Apenas perceba as mudanças das sensações em seu corpo e mente, não retenha, deixe-as fluir.

6 - Quando encontrar uma nova sensação que precisa de cuidado repita o processo.

7 - Respire calmamente e sinta a diferença!

Gostou?


Aprendi esta prática simples e eficaz  num curso com Chameli Ardagh do Awakening Women






10 de jan. de 2020

Prece Xamânica para Centramento - Tradição Cherokee


"Eu caminho para dentro e para fora de muitos mundos.

Em minha mente, há muitas moradas.

Cada uma destas, criamos nós mesmos - a morada da raiva, a morada do desespero, a morada da auto-piedade, a morada da indiferença, a morada do negativo, a morada do positivo, a morada da esperança, a morada da alegria, a morada da paz, a morada do entusiasmo, a morada da cooperação, a morada da doação. 

Cada uma dessas moradas visitamos todos os dias.

Podemos permanecer em cada uma delas o tempo que quisermos. 

Podemos abandonar cada uma dessas moradas mentais no momento que desejarmos. Nós criamos a casa, nós ficamos na casa, nós saímos da casa quando bem quisermos.

Podemos criar novos aposentos, novas casas. Quando entramos nestas moradas elas tornam-se nosso mundo até que a deixemos por outra.

Grande Espírito, ninguém pode determinar a morada que devo escolher entrar. 

Ninguém tem o poder para isso, a não ser eu mesmo. 

Permita-me que hoje eu escolha sabiamente.''

Joy Harjo
Escritora da Etnia Cherokee